INPI e CAS assinam acordo de cooperação técnica que formaliza a colaboração para acelerar a fila de pedidos de patentes no Brasil

A prova de conceito de um ano demonstra a utilidade da tecnologia do CAS e a curadoria humana para agilizar a análise de patentes.

Rio de Janeiro, Brasil e Columbus, Ohio - 14 de junho de 2020 — O Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) do Brasil e o CAS, uma divisão sem fins lucrativos da Sociedade Americana de Química, especializada em soluções de informações científicas, assinou um acordo formal de cooperação técnica em 4 de junho de 2020. Este acordo é o auge de mais de 18 meses de trabalho e colaboração entre as organizações para testar e otimizar a aplicação da tecnologia do CAS para agilizar a análise de patentes. Uma iniciativa que reforça a estratégia do INPI de aumentar a eficiência e reduzir o tempo de análise de patentes por meio do uso de tecnologia, ajudando a enfrentar o rápido crescimento do volume e da complexidade dos pedidos de patentes observados no Brasil e no mundo nos últimos anos.

“Adotar novas abordagens tecnológicas é uma estratégia fundamental e necessária para cumprir nosso compromisso de reduzir em 80% a fila de solicitações no Brasil nos próximos 2 anos”, afirmou o presidente do INPI, Dr. Claudio Furtado. "A tecnologia e a experiência exclusivas fornecidas pelo CAS revelam um impacto mensurável na eficiência de nossos avaliadores. Estamos satisfeitos com o progresso até o momento e esperamos desenvolver essa parceria para alcançar nosso objetivo.”

“A análise oportuna dos pedidos de patentes é fundamental para incentivar a inovação global, e as análises em atraso geram consequências comerciais e humanas muito reais”, disse Manuel Guzman, presidente do CAS. “Os escritórios de patentes do mundo enfrentam desafios sem precedentes, pois o volume e a complexidade das solicitações crescem mais rápido que os recursos disponíveis, de maneira contínua. Estamos comprometidos com a parceria com o INPI e outros escritórios de patentes em todo o mundo, para ajudá-los a superar esses desafios por meio do desenvolvimento de soluções personalizadas que acelerem os fluxos de trabalho das avaliações.”

A abordagem da tecnologia do CAS combina pontuação de similaridade, classificação de fluxo de trabalho e recursos de exploração da área de conhecimento para descobrir um conjunto confiável de informações sobre o estado das técnicas ou informações relevantes publicadas anteriormente à inovação sobre o assunto, o que agiliza o trabalho dos avaliadores de patentes. “A equipe inovadora e interessada do INPI forneceu informações e colaboração extremamente valiosas ao processo para otimizar nossos algoritmos e abordagens”, disse Tim Wahlberg, diretor de produtos do CAS. "O trabalho conjunto das equipes até o momento demonstra claramente que o treinamento de algoritmos com nosso extenso acervo de dados gerenciado por pessoas e o aumento dos resultados de aprendizado de máquina com insights de nossa equipe de cientistas são extremamente eficazes".

“Fazer com que haja pontualidade do processamento das solicitações ao INPI é uma prioridade para a função de avaliação”, afirmou Liane Elizabeth Caldeira Lage, diretora de patentes, software e topografia de circuitos integrados. "Avaliar a originalidade de invenções na química e em todos os outros campos científicos é especialmente desafiador e essa abordagem está se mostrando uma grande promessa para agilizar nosso trabalho nessas áreas."

Sobre o INPI

O Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) é o órgão oficial do governo responsável pelos direitos de Propriedade Industrial no Brasil, sendo uma autarquia federal do Ministério da Economia. As atribuições do INPI incluem: registro de marcas, concessão de patentes, registro de transferência de tecnologia e contratos de franquia, registro de desenhos industriais, registro de indicações geográficas, registro de software e registro de topografia de circuitos integrados. Acesse o site do INPI em www.gov.br/inpi.

Sobre o CAS

O CAS, uma divisão da Sociedade Americana de Química, especializada em soluções de informações científicas, faz parcerias com organizações de P&D do mundo inteiro para fornecer insights acionáveis que ajudem a planejar, inovar, proteger inovações e prever como será a evolução de novos mercados e oportunidades. Pesquisadores científicos, profissionais de patentes e líderes empresariais em todo o mundo contam com nossas soluções e serviços para assessorar suas descobertas e estratégias. Com mais de 110 anos de experiência, ninguém sabe mais sobre informações científicas do que o CAS. Saiba mais em www.cas.org.


Responsável pelo relacionamento com a mídia do CAS:
Tina Tomeo
614-447-3600
cas-pr@cas.org